sábado, 16 de julho de 2016

Andar, falar, viver....


As vezes faço perguntas
De como a vida é
De como ela se mostra
E o que quer fazer
Não sei se sou justo ou falso
Não sei se sou bom ou sou ruim
Mas eu sou assim
Falo tudo que penso
Mas não falo sem pensar
Porque palavras vazias
Para mim podem voltar
Mas isso não espero
Pois meu tempo não permite
Preciso andar ligeiro
Andar, pensar, falar
Porque um dia eu tenho
Com muita convicção
Bem justa no meu peito
Na cabeça no querer
Vou parar, pensar, viver
Vou andar mesmo parado
Com meu ego iluminado

Com as frases que falei....
(Parte do meu novo livro Em breve na Plataforma da Amazon)

Nenhum comentário:

Postar um comentário